Alcione manda recado para Bolsonaro: “O senhor precisa respeitar o povo nordestino”

Na última sexta-feira (19), antes de dar início a um café da manhã com jornalistas, o presidente Jair Bolsonaro usou um termo desagradável para se referir a governadores do Nordeste em uma conversa informal com o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni. Ele disse que “daqueles governadores de ‘paraíba’, o pior é o do Maranhão; tem que ter nada com esse cara”.

Não demorou para que a fala do presidente, registrada pela TV Brasil e considerada preconceituosa, gerasse diversas reações. Em resposta, governadores do Nordeste divulgaram uma carta em que pedem que Bolsonaro se explique (veja abaixo ao fim do texto), além de publicarem textos sobre nas redes sociais. “Aguardamos esclarecimentos por parte da presidência da República e reiteramos nossa defesa da Federação e da democracia”, diz um trecho do material.

Além de políticos, internautas e outras personalidades, a cantora Alcione foi uma das que criticou a fala do presidente Bolsonaro publicamente. Ela postou um vídeo com um recado direcionado a ele no Instagram neste sábado (20). Nas imagens, Marrom diz que não votou em Bolsonaro e que não se arrepende, mas que também não torce contra para não torcer contra o próprio país.

Em outro trecho, a cantora disse que o presidente tem medo de facada e tem medo de tiro, mas que deveria ter medo do pensamento. “O senhor tem medo de facada, tem medo de tiro, mas o senhor precisa ter medo do pensamento. O pensamento é uma força. Pense em mais de 30 milhões de nordestinos pensando contra o senhor? Comece a nos respeitar. RESPEITE O POVO BRASILEIRO”, finaliza Alcione.

Veja vídeo:

O post Alcione manda recado para Bolsonaro: “O senhor precisa respeitar o povo nordestino” apareceu primeiro em Bahia Política.