Congresso Nacional gasta R$ 10,8 bilhões por ano

Com um rombo no orçamento previsto em R$ 124 bilhões e o custo na segunda maior colocação do mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos, o Congresso Nacional custa R$ 10,8 bilhões aos cofres públicos ao ano. O ranking foi feito pela União Interparlamentar, organização internacional que estuda os legislativos de diferentes países.

Foto: Reprodução

Os cortes previstos pelo governo Bolsonaro para a área de Educação, alvo de protestos em maio deste ano, somam R$ 7,4 bilhões em 2019, podendo chegar a R$ 10 bilhões. Atingem todas as áreas, do Ensino Superior à Educação Básica. Se o contingenciamento chegar aos R$ 10 bi, o valor será equivalente às despesas previstas para o Congresso Nacional no Orçamento 2019.

Para este ano, as despesas da Câmara dos Deputados estão previstas em R$ 6,3 bi e do Senado Federal em R$ 4,5 bi, de acordo com a lei orçamentária anual (13.808/2019). Dividindo o gasto pelos 365 dias do ano, o Congresso custa aos brasileiros quase R$ 30 milhões por dia, mesmo aos sábados, domingos e feriados.

O número de funcionários do Congresso equivale à população de muitas cidades. Só na Câmara são 2.894 servidores concursados, 1.456 em cargos especiais, 8.949 secretários parlamentares e 3.260 terceirizados, um total de 16.559 (dados de março 2019). Já no Senado são cerca de 9.000. Ou seja, no Congresso Nacional trabalham mais de 25 mil pessoas. No Brasil, há cerca de 4.000 municípios com população de até 25 mil.

O post Congresso Nacional gasta R$ 10,8 bilhões por ano apareceu primeiro em Bahia Política.