MPF pressionará Aras a ir ao STF para impedir indulto de Natal a policiais

Foto: Divulgação TSE

Integrantes do Ministério Público Federal já se preparam para pressionar o procurador-geral da República, Augusto Aras, a recorrer ao Supremo contra o decreto de indulto de Natal de Bolsonaro, previsto para sair na segunda (23). Segundo a coluna Painel da Folha de S. Paulo, o problema está na perspectiva, indicada por Bolsonaro, de que policiais serão beneficiados pelo perdão da pena.

Ontem (20), Bolsonaro lembrou do caso do major Edson dos Santos, condenado a 13 anos de prisão pela morte de Amarildo de Souza, como exemplo de condenação injusta e quem ele gostaria de beneficiar. Para procuradores, a concessão do indulto a categorias específicas é vedado pela Constituição.

Pessoas próximas a Augusto Aras acreditam, porém, que dificilmente ele questionará o ato do presidente, conforme publicação do BNews.

O post MPF pressionará Aras a ir ao STF para impedir indulto de Natal a policiais apareceu primeiro em Bahia Política.